Paróquia Cristo Rei

1941

Nossa Senhora de Lourdes

A capela Nossa Senhora de Lourdes de Vila Seca, foi fundada em outubro de 1941 e sua inauguração se deu no dia 11 de junho de 1942. Seus fundadores foram Rainoldo e Raimundo Stein, Francisco Walker, Felipe Kraemer e outros. A primeira diretoria e seus trabalhos foram Lindolfo Walker, Felipe Kraemer e Raimundo Stein. O motivo e a razão da fundação foi formar uma comunidade unida e fraterna. À capela existe para melhor acesso as celebrações e um maior encontro com os irmãos.

A diretoria, em muitas das suas atividades, muitas vezes encontrou dificuldades. Mas nunca desistiram. Quanto ao modo de agir foi o de unir-se, tendo ajuda de um e ideia do outro, assim conseguiram resolver a maioria das dificuldades.

A padroeira da Capela é Nossa Senhora de Lourdes, escolhida pelo fundador Raimundo Stein em homenagem à sua filha Lourdes, que quando foi a inauguração em 1942 veio a ser madrinha da capela. A terra onde se encontra a mesma, foi doada por Felipe Henrich.

O sino foi adquirido pelos sócios da comunidade, os quais fizeram muitas campanhas nesse sentido. Para ter-se um local melhor para festas e outras promoções, foi construído um salão, cuja as obras foram dirigidas por Ervino Kraemer e Lindolfo Walker. A capela, altar, sacristia e outros, foram construídos por Felipe Kraemer e Lindolfo Walker, sendo que o mesa do altar foi doado pela Matriz e os bancos comprados (eram usados) de Victor Graeff. As alfaias da capela foram compradas pela comunidade.

Os primeiros cantores, foram os próprios membros, dirigidos por Raimundo Stein e como animador Alfonso Petry, sendo ainda catequista. As primeiras crianças catequisadas foram Venilda Kraemer, Orlando Walker, Argemiro Schuster. Uma imagem de Nossa Senhora de Fátima foi doada por Norma Schwindt e a Santa Rita por uma pessoa que não quis se identificar, Nossa Senhora de Lourdes por Elsina Stein. A Via Sacra foi doada por Paulina Hartmann e as molduras por Emilio Schwindt.

O cemitério foi criado pela comunidade, achando-o necessário, para não precisar levar os falecidos a outras comunidades. O mesmo foi construído pela comunidade que o cercou e fez a planta dos túmulos. Sua terra foi doada por Antônio Augusto da Rosa e seu primeiro morador foi Ernesto Muller, que está enterrado no lado esquerdo, canto frontal.

Muitas coisas boas foram acontecendo no decorrer da história, os membros da comunidade foi diminuindo por causa do êxodo rural. A Igreja fica às margens do asfalto a direita de quem vai de Não Me Toque à Cidade de Lagoa dos Três Cantos/RS.

Em 2017, no novo Pároco Pe. Laerte Reis, após uma missa realizada no período da tarde, convidou e motivou a comunidade para fazer uma reforma geral na comunidade, logo, a ideia foi aceita. O Padre, juntamente com o membro muito ativo Romeu Kraemer e sua família, descendente dos Kraemer citados acima, juntos pegaram firme. A Igreja foi toda reformada, pintada, novo sistema de iluminação foi instalado, alfaias novas, bancos lixados e pintados, piso reformado e pintado. No final deu um total de investimento de 17 mil reais, mas foi um bem necessário.

Com o sino desativado, o padre deu a ideia deles doarem o sino a Comunidade Santo Antônio, bairro da Cidade. A reação dos membros foi imediata. Sim para nós seria uma alegria. Em consideração ao bonito gesto, a Comunidade Santo Antônio doou um valor simbólico para a comunidade Nossa Senhora de Lourdes.

Na noite da reinauguração da Capela, o Vigário Paroquial Geremar Melz, presidiu a Santa Missa, tinha tanta gente que não couberam todos dentro da Igreja, o pátio também estava cheio de pessoas. No final da missa o pároco Pe. Laerte Reis mostrou um vídeo elaborado por ele mesmo, onde os membros mais antigos que hoje lá vivem deram testemunho de seus pais e avós. Foi um momento emocionante.

Olá, podemos te ajudar?